Produtos e servicos de alto padrao com

responsabilidade social e respeito ao meio ambiente!

AGRICULTURA DE PRECISÃO

SETOR TÉCNICO

  • Monitoramento geral das culturas
  • Definição e coordenação de aplicações de defensivos agrícolas.
  • Agendamento e devolução de embalagens vazias.
  • Coleta e analises de sementes.
  • Tratamento de sementes.
  • Coleta de solo – interpretação e recomendação de corretivos e adubos.
  • Aplicação de corretivos em TAXA VARIAVEL. “Tx. var.”
  • Busca de inovações tecnológicas e Implementação dos Fundamentos de AGRICULTURA DE PRECISSÃO.
  • Mapeamento georeferenciado das áreas.

INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS

  • Plantio de Milho (1988)
  • Plantio direto (1994)
  • Plantio de Algodão (1997)
  • Pulverizador Auto propelido (2000)
  • Colheitadeira axial (2003)
  • Agricultura de Precisão (2003)
  • Taxa variável
  • Mapas de Colheita
  • Piloto Automático
  • Laboratório de sementes
  • Algodão Adensado (2009)

É PRECISO UMA SÉRIE DE FATORES PARA PROPICIAR A AGRICULTURA DE PRECISÃO

  • Cultivares adaptadas e aptas
  • Colocar cada semente no lugar certo. Plantabilidade.
  • Utilizar produtos eficientes, Ecologicamente Correto  e aplicá-los no alvo.
  • Uso racional de adubos e corretivos. “Taxa variável”.
  • Detectar problemas: monitoramento e mapas de produtividade.

TAXAS VARIÁVEIS

  • Fósforo em taxa variável também para as culturas de algodão e milho.
  • Uso da matéria orgânica como fonte de nitrogênio para as culturas de algodão e milho.
  • Integração com os mapas de colheita para elaboração dos mapas de taxa variável para safrinha.
  • Análide de solo, sementes e testes de germinação em laboratório

MÉTODO CONVENCIONAL DE COLETA DE SOLO.

    Talhão de 100 Ha

MÉTODO CONVENCIONAL DE COLETA PARA TAXA VARIÁVEL.

    Talhão de 100 Ha / Nove sub-amostras a cada ponto de coleta.